Proclamação da República…

InfoEscola A Proclamação da República Brasileira aconteceu no dia 15 de novembro de 1889. Resultado de um levante político-militar que deu inicio à República Federativa Presidencialista. Fica marcada a figura de Marechal Deodoro da Fonseca como Leia mais »

Júnior de Dezim esclarece sua saída da chapa para a eleição da Câmara Municipal de João Alfredo…

A propósito da matéria publicada neste blog acerca da movimentação em torno da eleição para a renovação da mesa diretora da Câmara Municipal de João Alfredo, biênio 2019/2020, o vereador Júnior de Leia mais »

Cuba abandona programa Mais Médicos após declarações de Bolsonaro…

Veja O governo de Cuba informou nesta quarta-feira que está saindo do programa Mais Médicos devido às declarações “ameaçadoras e depreciativas” do presidente eleito Jair Bolsonaro, que anunciou mudanças “inaceitáveis” ao projeto governamental. O país caribenho tomou a Leia mais »

Decisão Futsal sub-14: Náutico x João Alfredo…

O esporte no município de João Alfredo tem crescido a cada dia. E o trabalho com as categorias de base tem sido um diferencial. O exemplo maior está na Seleção de Futsal Leia mais »

Diogo Prado tem recurso negado e perde cadeira de vereador em Carpina…

O vereador carpinense Diogo Prado (PSC) teve recurso negado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) na manhã dessa quarta (14). O parlamentar, que teve o mandato cassado pelo TRE por infidelidade Leia mais »

Monthly Archives: junho 2018

Fragmento Bíblico….

STF decide que guardas municipais podem portar armas de fogo..

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decidiu  sexta (29) que integrantes de todas as guardas municipais do país podem portar armas de fogo durante o horário de trabalho e de folga.

Por meio de uma liminar concedida a pedido do Democratas, o ministro suspendeu dois artigos do Estatuto do Desarmamento, aprovado em 2003, que limitava o porte de armas para uso no trabalho e horas de folga pelos guardas.

Ao recorrer ao Supremo, os advogados do Democratas alegaram que a norma criou uma restrição ilegal ao porte de arma entre uma mesma categoria de integrantes da segurança pública.

Pela norma, os guardas de municípios com mais de 500 mil habitantes conseguiram autorização para andarem armados durante o trabalho e nos momentos de folga. Quem trabalha em municípios com mais 50 mil e menos de 500 mil pessoas só pode usar armamento em serviço. Por sua vez, nos lugares com menos de 50 mil habitantes, o porte foi totalmente proibido.

“Criou-se uma desigualdade arbitrária entre os integrantes das guardas municipais, ante a fixação de um escalão numérico e pouco isonômico para se estimar quem pode portar arma de fogo dentro e fora do período de serviço”, sustentou o partido.

Ao decidir a questão, Alexandre de Moraes afirmou que o aumento do número de mortes no país tem ocorrido em maior número justamente nos municípios nos quais as guardas não podem usar armamento. Para o ministro, as guardas municipais exercem “imprescindível missão” nos serviços de segurança pública, juntamente com as policiais civis e militares.

“O tratamento exigível, adequado e não excessivo corresponde a conceder idêntica possibilidade de porte de arma a todos os integrantes das Guardas Civis, em face da efetiva participação na segurança pública e na existência de similitude nos índices de mortes violentas nos diversos municípios, independentemente de sua população”, decidiu o ministro. (Agência Brasil)

Aneel mantém bandeira vermelha nas contas de luz de julho…

A exemplo de junho, as contas de luz terão bandeira vermelha no patamar 2 também no mês de julho – o que acarretará em uma cobrança extra de R$ 5,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

A manutenção da tarifa extra foi decidida ontem (29) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), tendo por base a “manutenção das condições hidrológicas desfavoráveis e a tendência de redução no nível de armazenamento dos principais reservatórios do Sistema Interligado Nacional”.

Nos quatro primeiros meses do ano, vigorou a bandeira verde, o que não implicava em cobrança extra na conta de luz. Em maio, vigorou a bandeira tarifária amarela, em que há adicional de R$ 1 na conta de energia do consumidor a cada 100 kWh consumidos.

Sistema
O sistema de bandeiras tarifárias foi criado, de acordo com a Aneel, para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica.

A adoção de cada bandeira, nas cores verde, amarela e vermelha (patamar 1 e 2), está relacionada aos custos da geração de energia elétrica. No patamar 1, o adicional nas contas de luz é de R$ 3,00 a cada 100 kWh; já no 2, o valor extra sobe para R$ 5,00.

Dicas para economizar

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) alerta que julho é período de permanência das crianças em casa, o que demanda mais eletrodomésticos ligados e possível maior consumo de energia. A concessionária divulgou dicas para ajudar a evitar o desperdício de energia elétrica e contribuir para redução do valor da conta.

Confira as dicas para economizar:

1 – Estabeleça horários para uso de eletroeletrônicos

Controlar o uso exagerado de eletroeletrônicos como televisão, videogames e computadores é um dos principais desafios encontrados pelos adultos durante o período. Estabelecer limites de horários para a utilização dos equipamentos e estimular a realizar atividades físicas, além de fazer bem para a saúde da criançada, traz benefícios para o bolso dos pais ou responsáveis. Do mesmo modo, leituras em dispositivos eletrônicos podem ser substituídas pelos tradicionais livros, revistas e jornais.

2 – Controle o uso do ar-condicinado

No mês de férias, é natural esticar o sono e dormir até mais tarde. Por isso, é preciso ficar atento ao uso prolongado do ar-condicionado. A utilização do timer (temporizador) para evitar o funcionamento desnecessário do condicionador de ar ajuda na economia. Já que julho, em geral, apresentada dias menos calorentos, a orientação é ajustar a temperatura do equipamento para cerca de 23°C e intercalar com ventiladores. É importante promover com regularidade a manutenção e a limpeza desses equipamentos. Além de higiênica, a medida contribui para um desempenho mais econômico já que a sujeira acumulada no filtro dificulta a troca de calor e passagem do ar, exigindo mais potência e, consequentemente, maior consumo de energia.

Continua…

Tem futsal neste sábado em João Alfredo…

Fiat convoca recall de mais de 200 mil veículos por falha em sistemas de ignição e injeção…

A Fiat informou nesta sexta-feira (29) que vai fazer recall de cerca de 223 mil veículos no Brasil por falha em relés dos sistemas de ignição e injeção de combustível que podem gerar parada no funcionamento dos motores.

Os carros envolvidos abrangem os principais modelos da montadora italiana vendidos no país: Uno, Argo, Mobi, Toro, Grand Siena, Strada, Palio Weekend e Fiorino, de anos-modelo entre 2017 e 2019.

O maior volume de recall envolve a picape Toro, 48.900 veículos. Segundo a Fiat, em casos extremos o desligamento inesperado domotor pode comprometer “as condições de dirigibilidade do veículo e aumentando o risco de colisão, além de possibilitar a ocorrência de danos físicos e materiais ao condutor, aos passageiros e a terceiros”. (Folhapress )

Candidatura de Marília Arraes atrapalha Paulo e Armando …

A pré-candidatura da vereadora Marília Arraes ao governo de Pernambuco caiu nas graças da população, que através das redes sociais demonstra bastante entusiasmo com o projeto apresentado pela neta de Arraes. O sucesso desta candidatura é fruto de um exaurimento do PSB, cuja hegemonia já dura doze anos no estado, mas também da falta de entusiasmo do eleitor com o projeto representado por Armando Monteiro, que mesmo tendo sido adversário do atual governador em 2014, foi incapaz de polarizar com Paulo durante três anos e meio, e segue sem fazer este contraponto.

A consolidação de Marília no jogo é ruim para os dois projetos representados por Paulo e Armando. Para o atual governador, a presença da vereadora consolida a existência do segundo turno, o que é um péssimo sinal para o socialista, cujas chances maiores passam por vencer no primeiro turno. Mas para Armando não é diferente, porque mesmo com toda retaguarda partidária, Armando corre um risco real de ficar de fora da segunda etapa perdendo a vaga para Marília, que já se apresenta com mais votos que ele nas pesquisas.

A população dá claras demonstrações de insatisfação com os políticos tradicionais, e por isso Jair Bolsonaro vem ocupando espaços cada vez mais significativos no plano nacional, e em Pernambuco Marília é quem tem canalizado toda esta insatisfação. O discurso de Marília tem aderência porque ela é coerente, corajosa, determinada, jovem e mulher. Para um estado de característica lulista, como Pernambuco, o projeto representado por Marília está caindo como uma luva.

Apesar de muitos dizerem que ela não vai a lugar nenhum porque não tem estrutura, é importante frisar algumas eleições que mostraram que a estrutura nem sempre prevaleceu. Tivemos em 2000 a vitória de João Paulo contra todo aparato de Roberto Magalhães. A vitória de Eduardo Campos em 2006 sendo o candidato com menos volume de campanha entre os três principais nomes. A eleição de Elias Gomes em Jaboatão dos Guararapes em 2008 contra toda a retaguarda de André Campos e mais recentemente a vitória do Professor Lupercio em Olinda contra todo poderio dos Urquiza, do PCdoB e de Antonio Campos.

Nem sempre a lógica financeira prevalece. As vezes a coerência e o sentimento de saturação com tudo que está colocado termina forjando novas lideranças. Se porventura Marília conseguir convencer o PT a dar-lhe legenda para a disputa, é muito difícil segurar a onda que está se formando em torno dela, e poderá sacramentar em Pernambuco o fim dessa política tradicional que acha que juntar um bocado de político num palanque é suficiente para convencer um eleitor cada vez mais conectado e saturado com aqueles que representam o passado. (Por Edmar Lyra)

Agência da Caixa Econômica de Limoeiro é alvo de explosão…

Um grupo de homens fortemente armados explodiu na madrugada deste sábado (30), caixas eletrônicos da agência da Caixa Econômica Federal (CEF), localizada na Avenida Santo Antônio, no Centro de Limoeiro. De acordo com informações coletadas pela Polícia Militar (PM), a ação aconteceu por volta das 3h. A polícia ainda não sabe a quantidade de envolvidos e não há confirmação da quantia em dinheiro levada. Em uma abertura no vidro é possível observar que algumas portas na parte de trás das máquinas foram violadas. Com a força da explosão, a estrutura da área do autoatendimento ficou danificada e parte da fachada de vidro destruída, com os estilhaços espalhados pela calçada. 

Moradores das proximidades disseram que foram ouvidos vários disparos de arma de fogo. Um carro que estava estacionado na avenida foi atingido, mas não há registro de feridos. Os suspeitos fugiram logo após a explosão, tomando destino incerto. Grampos foram espalhados ao longo da avenida, para dificultar a ação da polícia. O local está isolado pela PM, que aguarda a chegada de peritos da Polícia Federal (PF). Apesar de estar instalada na principal avenida da cidade, a explosão dos caixas eletrônicos não prejudica o tráfego no centro comercial. Há aproximadamente três anos, a mesma agência havia sido alvo de explosão. (Blog do Agreste)

Após visita de Ciro, PSB de Pernambuco apoia Lula…

Sergio Roxo e Luís Lima – O Globo

Dois dias depois de o pré-candidato do PDT, Ciro Gomes, visitar o estado e se encontrar com o governador Paulo Câmara e com a viúva de Eduardo Campos, Renata Campos, o PSB de Pernambuco defendeu, pela primeira vez, que o partido feche aliança com Lula para a disputa pelo Palácio do Planalto este ano.

Pernambuco é o estado com o maior número de representeantes no diretório nacional do PSB. O estado também tem importância histórica para a legenda por causa de Campos e de seu avô, Miguel Arraes (1916-2005).

Nos últimos dias, políticos da legenda tem afirmado que um acordo com Ciro está próximo. Mas o movimento do diretório pernambucano pode reverter esse quadro. Os pessebistas de São Paulo, o segundo estado com o maior número de representantes no diretório nacional, também são contra a aliança com o pedetista.

O presidenciável do PDT se encontrou, na tarde de terça-feira, com Câmara e com o prefeito de Recife, Geraldo Júlio (PSB), no Palácio Campo das Princesas, sede do governo pernambucano. Ciro postou uma foto do encontro em suas redes sociais com a frase: “Sigo na luta por uma aliança com o PSB.” Em seguida, fez uma visita a Renata Campos e ao seu filho João, que será candidato a deputado federal na eleição deste ano.

Na quinta-feira, ao divulgar uma nota para desmentir que o acordo com Ciro estivesse fechado, o diretório de Pernambuco do PSB afirmou: “O partido em Pernambuco, seguindo a orientação do governador Paulo Câmara, permanece no diálogo com lideranças nacionais e locais de diversos partidos do campo democrático. Continuaremos a defender, dentro e fora do PSB, uma aliança com o Partido dos Trabalhadores, priorizando a candidatura do ex-presidente Lula.”

No mesmo dia em que a nota foi divulgada, Câmara havia se reunido com o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, e com a presidente nacional do PCdoB, Luciana Santos.

A nota é um gesto do PSB de Pernambuco em favor do PT. O pessebistas querem que o comando nacional petista force a vereadora Marília Arraes, neta de Miguel Arraes e prima de Campos, a deixar a disputa pelo governo do estado. Impulsionada pela memória do avô e pela popularidade do ex-presidente Lula em Pernambuco, a petista Marília se transformou em ameaçada ao plano de reeleição de Câmara no estado. Uma eventual derrota do atual governador seria um duro golpe no legado de Campos, que era o seu padrinho político.

No PT, a posição majoritária entre dirigentes nacionais é que Marília só deve deixar a disputa se o PSB formalmente apoiar a candidatura de Lula ou de seu substituto. O ex-presidente reúne os requisitos para ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa e ter a candidatura impugnada porque foi condenado em segunda instância no âmbito da Lava-Jato no caso do tríplex do Guarujá.

No começo de junho, os petistas aprovaram uma resolução em que determinam que as candidaturas estaduais devem estar alinhadas com o projeto nacional do partido. No documento, citaram formalmente a intenção de buscar acordo com o PSB e o PCdoB.

Dirigentes do PSB de outros estados se opõem a uma aliança com o PT. Diante do impasse, um dos caminhos para o partido seria liberar os diretórios estaduais para apoiarem o presidenciável que fosse mais conveniente para os interesses locais. A solução agradaria também o PSB de São Paulo. O governador Márcio França (PSB), que herdou o cargo de Geraldo Alckmin (PSDB), já anunciou que fará campanha para o tucano.

Nesse cenário, o PSB de Pernambuco declararia adesão a Lula, mas esse movimento dificilmente seria suficiente para que o objetivo principal, a retirada de Marília da eleição pernambucana, seja alcançado.

– A candidatura da Marília só deixa de existir se o PSB, a nível nacional, apoiar formalmente o presidente Lula – afirmou o secretário-geral do PT, Romênio Pereira.

Desde a morte de Campos, em 2014, o PSB sofre com divisões internas e tem dificuldade de encontrar uma unidade. A decisão sobre o rumo do partido na disputa pelo Palácio do Planalto só deve ser anunciada no final de julho.

A posição do PSB pode influenciar também o PCdoB. A expectativa é que, se Ciro conseguir o apoio dos pessebistas, pode também atrair os comunistas na formação de um bloco de centro-esquerda e isolando o PT.

Hoje:

30 de junho é o 181.º dia do ano no calendário gregoriano (182.º em anos bissextos). Faltam 184 para acabar o ano.

  • 1520 – Os espanhóis são expulsos de Tenochtitlán.

  • 1793 – Inauguração do Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa

  • 1847 – Assinatura da Convenção de Gramido.

  • 1860 – Ocorre o mais famoso debate sobre a Teoria da Evolução, na Universidade de Oxford, entre Thomas Henry Huxley, o “buldogue de Darwin”, e o bispo Samuel Wilberforce.

  • 1908 – Uma explosão, provavelmente causada pela queda de um meteorito na Sibéria, provocou tremores até o centro da Europa. É o evento de Tunguska.

  • 1913 – A Sérvia e a Grécia se unem contra a Bulgária provocando a segunda Guerra Balcânica.

  • 1934 – Na Noite das Facas Longas, Adolf Hitler manda matar vários membros do Partido Nazista, identificados por ele como possíveis inimigos no futuro.

  • 1936 – O Imperador Haile Selassie da Etiópia pede ajuda à Liga de Nações contra a invasão de Mussolini.

  • 1941 – Segunda Guerra Mundial: Operação Barbarossa – A Alemanha captura Lviv, na Ucrânia.

  • 1960 – Congo consegue sua independência da Bélgica.

  • 1971 – Três cosmonautas a bordo da nave soviética Soyuz 11 morrem depois de uma despressurização na cápsula espacial.

  • 1974 – O bailarino russo Mikhail Baryshnikov pede asilo ao Canadá durante uma turnê da companhia Bolshoi.

  • Continua…

Reflexão do dia…

Fragmento Bíblico…

 

Abono salarial de 2017 começa a ser pago em julho…

O Governo Federal anunciou para o dia 26 de julho o início do pagamento do abono salarial PIS/Pasep ano-base 2017. O calendário foi definido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). A estimativa é que sejam destinados 18 bilhões de reais a 23 milhões e meio de trabalhadores.

Quem nasceu de julho a dezembro, recebe o benefício ainda este ano. Já os nascidos entre janeiro e junho, terão o recurso disponível para saque em 2019. Em qualquer situação, o dinheiro ficará à disposição do trabalhador até 28 de junho de 2019, prazo final para o recebimento.

Os empregados da iniciativa privada, vinculados ao PIS, sacam o dinheiro na Caixa Econômica Federal. Para os funcionários públicos, associados ao Pasep, a referência é o Banco do Brasil. Quem for correntista desses bancos terão o benefício creditado em conta no período estabelecido no calendário.

Para ter direito ao PIS/Pasep é necessário ter trabalhado formalmente por pelo menos um mês em 2017 com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador já deveria estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.(Agência Brasil)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo