Uma chapa competitiva para FBC…

Por Edmar Lyra Os movimentos da política pernambucana seguem intensos, com especulações de todo tipo, mas uma delas vem ganhando contornos por conta da viabilidade, pois envolveria nomes que não estariam sendo Leia mais »

Brasil tem média de 7 presos por agente penitenciário; 19 estados descumprem limite recomendado…

As prisões brasileiras têm uma média de 7 presos por agente penitenciário. É o que mostra um levantamento feito pelo G1 dentro do Monitor da Violência com base nos dados mais atualizados dos 26 estados Leia mais »

Eleições 2018: Com 60% de rejeição, Temer acredita que pode se reeleger…

Tudo indica que o presidente Michel Temer ouviu o canto da sereia. A música embalada pelas vozes doces do Planalto é realmente tentadora. Se os partidos de centro procuram um candidato “reformista”, que defenda as realizações do atual Leia mais »

STF julgará em março validade do auxílio-moradia para juízes…

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, marcou para o dia 22 de março o julgamento de mérito das liminares que garantiram o pagamento de auxílio-moradia a todos os magistrados Leia mais »

João Alfredo empossa novos Agentes Comunitários de Saúde…

Nesta segunda-feira (19), a Prefeitura Municipal de João Alfredo (PMJA), por meio da Secretaria de Saúde, empossou dez Agentes Comunitários de Saúde (ACS) aprovados através de seleção pública realizada no ano anterior. Leia mais »

Monthly Archives: dezembro 2017

Feliz 2018…

Fragmento Bíblico…

Dilma defende ‘eleição livre’ e candidatura de Lula em mensagem de fim de ano….

Estadão Conteúdo

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) defendeu a candidatura à Presidência da Reública de seu correligionário e antecessor, Luiz Inácio Lula da Silva, em uma mensagem de fim de ano publicada em seu site neste domingo, dia 31.

“Que em 2018 tenhamos uma eleição realmente livre. Livre de exclusões e livre de manobras políticas e judiciais com o objetivo de interditar candidatos. Que em 2018 o presidente Lula possa concorrer”, escreveu Dilma.

Lula pode ser impedido de disputar o pleito em 2018 caso sua condenação em primeira instância pelo juiz Sergio Moro seja confirmada em segunda instância, em julgamento marcado para o dia 24 de janeiro no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). O petista foi condenado a 9 anos e seis meses de prisão no caso do triplex do Guarujá (SP), um dos processos decorrentes das investigações da Operação Lava Jato.

Dilma também desejou, na sua mensagem, que, no novo ano que chega, haja a “reconquista” da democracia. “Que 2018 seja o ano em que estaremos unidos pela recuperação do Brasil. Que 2018 seja o ano da reconquista da democracia, da força do voto para garantir os nossos direitos e oportunidades.”

Movimento na feira e comércio de João Alfredo…

Conexão4

Obs.: Para melhor audição, desative momentaneamente a Rádio DS.

Mega da Virada: prêmio será maior que R$ 300 milhões, diz Caixa…

G1

As apostas da Mega da Virada, prêmio especial de fim de ano da loteria da Caixa, superaram as expectativas e o concurso vai oferecer um prêmio maior que R$ 300 milhões, o maior já pago na história do Brasil. A previsão anterior era de R$ 280 milhões. 

A Mega da Virada será sorteada neste domingo (31), a partir das 20h50 (horário de Brasília), no estúdio da TV Globo, e será transmitido ao vivo pela emissora. As apostas foram encerradas às 14h deste domingo.

A aposta simples custa R$ 3,50 e pode ser feita tanto nos volantes específicos da Mega da Virada quanto nos volantes comuns da Mega-Sena.

Segundo a Caixa, os R$ 300 milhões, se aplicados integralmente na poupança, renderiam cerca de R$ 1,3 milhão. Caso o sortudo prefira investir em bens, a bolada é suficiente para comprar 130 imóveis no valor de R$ 2,3 milhões cada, ou 20 iates de luxo.

Você já pensou o que faria com o prêmio caso ganhasse? Dá para comprar jatinho, fazer coleção de carros de luxo, investir na produção de um filme e muito mais. O G1 listou algumas opções.

São Paulo é o estado “mais sortudo” da Mega da Virada: seis prêmios já saíram para cidades do estado. E quais os números mais sorteados? Veja estas e outras curiosidades sobre o prêmio.

Ometto: “Alckmin tem qualidades para assumir o país”…

Estadão Conteúdo

A seguir, trechos da entrevista.

O que esperar do último ano do governo de Michel Temer?

Espero que ele continue o trabalho que está fazendo e aprove as reformas, que são necessárias. Tem a da Previdência, que é fundamental, além das reformas política e tributária, que ele ainda nem começou. Ele também tem de liderar o MDB na transição política do País nas próximas eleições.

Temer tem capital político para tocar a reforma da Previdência?

Sim. Acho que o forte de Temer é capacidade de gestão e o relacionamento com a classe política. Eu não vejo ninguém hoje no Brasil com cacife político e com compreensão de como é o comportamento político de cada um individualmente e no conjunto como ele.

Ele perdeu a oportunidade de aprovar a reforma em dezembro. Temer continua sendo a pessoa capaz de conduzir as mudanças?

Continua, sim. Ninguém é melhor do que ele para fazer as reformas neste momento. Naquele episódio de maio de 2017 (a delação dos irmãos Batista), esqueceram das reformas. Criou-se uma obsessão em tirá-lo da presidência. Não estou defendendo. Sou engenheiro e empresário, sou pragmático. Então, quando se falava de ‘Fora, Temer’, ninguém pensou no que estava em jogo se ele realmente saísse. Essas reformas poderiam ter sido aprovadas antes.

Continua…

Celebrar a paz, sonho possível…

Felipe Magalhães

Tudo é relativo, só Deus é absoluto! Essa fala carrega muito sentido para os que creem. O Deus absoluto, que quis se relativizar na história humana, para fazer comunhão com o mundo, ensina-nos a não absolutizar nada, pois tudo está em relação. Ele próprio, revelado e compreendido como Trindade, é só relação: o absoluto que, por força do amor que o define e move, doa-se infinitamente.

O ser humano, entretanto, busca absolutizar-se e absolutizar muitas coisas. É o pecado da idolatria. Tornar coisas absolutas, além de criar outros deuses, rompe com toda a possibilidade da paz: religiões absolutizadas, ideologias absolutizadas, culturas absolutizadas, entre outras coisas, geram desarmonia, violência, intolerância. Como cidadãos do mundo, precisamos cultivar a cultura da paz. Como cristãos, precisamos viver e testemunhar a paz.

O próximo dia 1º, além de marcar o início de um novo ano, o de 2017, é o dia da Confraternização Universal – Dia Mundial da Paz –, como convite à solidariedade humana, em e entre todos os povos, numa adesão de paz. Muitos sinais de morte, violência e desumanização acontecem todos os dias, no mundo inteiro. Mas é preciso, esperando contra toda a esperança, fazer opção pela paz, realidade possível.

O artigo Qual a paz que queremos?, do Pe. Rodrigo Ferreira da Costa, SDN, traz um esboço do significado da paz, que está para além da inexistência dos conflitos. Denunciando os falsos significados da paz, carregados de injustiça e violência, muitas vezes silenciosas, o autor nos ajuda a refletir sobre a importância da paz, de modo profundo, como fruto da justiça, tal como nos inspira a Escritura.

Esses falsos significados da paz, como verdadeiros empecilhos para a realização da justiça, alcançam os pobres do mundo, cotidianamente, desde as guerras do Oriente Médio às políticas desumanas realizadas em nosso país, nos últimos meses. É o que nos ajuda a refletir o artigo: Celebrar a paz em tempos de ódio, do Ms. Pe. Antônio Ronaldo Vieira Nogueira. Os sinais de morte, presentes no mundo, não nos podem tirar a esperança e o protagonismo que busca a paz, verdadeiro shalom para o mundo.

No mundo, bilhões de pessoas professam alguma fé. Sem o papel fundamental das religiões, a paz não será uma realidade possível. O terceiro artigo de nossa matéria especial, Paz entre as religiões: uma utopia possível e, cada vez mais, necessária, do Drdo. Edward Neves Monteiro de Barros Guimarães, aborda essa fundamental questão, do protagonismo religioso na busca e concretização da paz, possibilidade de dignificação e humanização da pessoa e de toda a vida criada.

Sejamos construtores da paz! Que 2017 seja, de fato, um ano que agrade ao Senhor! (PC)

Receita de Ano Novo…

Receita de Ano Novo

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ver,
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra
birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta ou recebe mensagens? passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar de arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto da esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre…

 

                                                 Carlos Drummond de Andrade

Atrações de hoje (31) em Bom Jardim-PE…

Liturgia Católica…

Dia 31 de Dezembro – Domingo

SAGRADA FAMÍLIA DE JESUS

(Branco, Glória, Prefácio do Natal – Ofício da Festa)

Antífona de Entrada

Vieram apressados os pastores e encontraram Maria com José, e o menino deitado no presépio (Lc 2,16).

Oração do dia

Ó Deus de bondade, que nos destes a Sagrada Família como exemplo, concedei-nos imitar em nossos lares as suas virtudes para que, unidos pelos laços do amor, possamos chegar um dia às alegrias da vossa casa. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Leitura (Eclesiástico 3,3-7.14-17)

Leitura do livro do Eclesiástico.
3 3 Pois Deus quis honrar os pais pelos filhos, e cuidadosamente fortaleceu a autoridade da mãe sobre eles.
4 Aquele que ama a Deus o roga pelos seus pecados, acautela-se para não cometê-los no porvir. Ele é ouvido em sua prece cotidiana.
5 Quem honra sua mãe é semelhante àquele que acumula um tesouro.
6 Quem honra seu pai achará alegria em seus filhos, será ouvido no dia da oração.
7 Quem honra seu pai gozará de vida longa; quem lhe obedece dará consolo à sua mãe.
14 Meu filho, ajuda a velhice de teu pai, não o desgostes durante a sua vida.
15 Se seu espírito desfalecer, sê indulgente, não o desprezes porque te sentes forte, pois tua caridade para com teu pai não será esquecida,
16 e, por teres suportado os defeitos de tua mãe, ser-te-á dada uma recompensa;
17 tua casa tornar-se-á próspera na justiça. Lembrar-se-ão de ti no dia da aflição, e teus pecados dissolver-se-ão como o gelo ao sol forte.
Palavra do Senhor.
Continua…

Previsões para um ano imprevisível…

Por Luiz Ruffato*

Nestes dias atribulados, que deveriam ser de confraternização e são de consumo, busquei ajuda do imponderável para tentar antecipar o cenário do mundo, e em particular do Brasil, no ano que nos aguarda acocorado logo ali à frente. Já que não podemos contar com a racionalidade – 2017 provou, mais uma vez, que a realidade é inverossímil -, apelemos a formas de conhecimento alternativas, que, apenas porque não compreendemos, não podem ser julgadas inferiores.

Janjão do Jardim Paraná e Tia Maura são videntes reconhecidos em suas comunidades. O primeiro, mestiço alto e forte, é especialista na leitura dos búzios, essas pequenas conchas marinhas que revelam a história futura a quem sabe lê-las e interpretá-las. A segunda, de estatura mediana, nem magra nem gorda, carismática e envolvente, mistura de todas as etnias do mundo, desembaraça os fios vindouros examinando as figuras enigmáticas do baralho cigano.

A ambos fiz perguntas específicas, abarcando questões políticas e econômicas, e, claro, num ano de Copa do Mundo, busquei algum indício a respeito do desempenho da nossa seleção de futebol. O que se segue é um apanhado das respostas, nem sempre claras, nem sempre contundentes, pois a linguagem das predições é a da poesia, que eu tento canhestramente traduzir em prosa. Portanto, se equívoco houver, deverá ser debitado à minha incompetência – traduttore traditore, já esconjuravam os italianos.

Continua…

Governo divulga normas para Fies no 1º semestre de 2018…

Por Raquel Stenzel

O governo federal estabeleceu as normas para o processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies) referente ao primeiro semestre de 2018, em portaria publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial da União.

O texto estabelece que as instituições de ensino que aderirem ao Fies terão que participar do risco do financiamento, como devedoras solidárias. Para isso, as instituições deverão realizar aportes ao fundo garantidor do Fies equivalentes a 13 por cento dos encargos educacionais no primeiro ano; entre 10 e 25 por cento do segundo ao quinto ano, variando em função da evasão e do não pagamento da coparticipação dos estudantes, entre outros critérios; e não menos de 10 por cento no sexto e no sétimo anos.

A adesão de entidade mantenedora ao Fies terá prazo de validade indeterminado, conforme a portaria normativa nº 25 do Ministério da Educação.

A pré-seleção dos candidatos ao financiamentos do Fies independe de aprovação em processo seletivo próprio da instituição de ensino e será feita por sistema informatizado gerenciado pela Secretaria de Educação Superior do MEC.

“A inscrição, a classificação e a pré-seleção dos candidatos por meio do FiesSeleção constituem procedimentos que asseguram apenas a expectativa de direito à vaga para a qual o candidato se inscreveu”, disse a portaria. (Reuters)

Powered by WordPress | Designed by: diet | Thanks to lasik, online colleges and seo